Qual o melhor momento para trocar os coletores de dados

/
3 de maio de 2022

Você, varejista ou fabricante de bens de consumo, sabe qual o melhor momento para promover a troca dos coletores de dados de sua equipe de trabalho? Os fabricantes possuem uma política de manter um modelo em linha por mais de cinco anos (existem casos de empresas que fizeram o uso por uma década, mas são exceções), porém, pode haver atualizações no hardware durante esse período devido a mudança de tecnologias de componentes eletrônicos no mercado.

O anúncio de fim de vida de um terminal pelo fabricante é informado para seus distribuidores com antecedência, permitindo assim que eles possam comunicar seus clientes sobre novos equipamentos que possam substituí-los (confira aqui artigo sobre como identificar equipamentos obsoletos). De acordo com Marcel Gomes, do Departamento de Engenharia da Compex, a melhor forma de verificar o momento de troca dos coletores de dados é antecipar os custos de manutenção por desgaste de uso deles (e isso depende da forma como os usuários trabalham com os equipamentos) e manter uma comunicação contínua com seus fornecedores sobre a situação das tecnologias disponíveis.

Como definir os coletores de dados para o seu negócio

Para cada tipo de operação (indústria, varejo, transportadoras, operadores logísticos, etc) é recomendável um tipo ou alguns modelos diferentes de coletores de dados. Marcel Gomes diz que algumas perguntas o ajudarão a definir qual aquele que é mais adequado para o seu negócio. Preste atenção no que segue abaixo:

Como será a operação do coletor quanto a entrada de dados? Ou seja:

  1. O usuário necessita entrar dados através de digitação? A digitação é frequente? É necessário digitação de letras e números ou apenas números? A digitação pode ser feita pelo teclado virtual ou não é adequado para a aplicação?
  2. Qual o tipo de código de barras que será lido pelos coletores de dados? Qual a distância de leitura? O código de barras é padronizado ou há código de barras mal impressos? Eles são impressos apenas em fundo branco ou possuem fundo colorido? Quais cores?

Qual o ambiente de operação? Ou seja:

  1. O local de operação dos coletores de dados é úmido ou possui muita poeira no ambiente?
  2. Há risco de queda frequente dos coletores de dados?
  3. Qual a jornada de trabalho que os coletores de dados terão que atender?

Qual aplicação para a operação? Ou seja:

  1. Quais os requisitos mínimos de hardware que a aplicação exige?
  2. Há a necessidade de comunicação via wi-fi, bluetooth ou WWAN?
  3. Há necessidade de comunicação com impressora?

Segundo Marcel, apesar de haver uma crença que alguns coletores de dados são aplicáveis para determinados tipos de operação, o que realmente indica o modelo mais indicado são as reais necessidades que o cliente tem para o equipamento. Há casos, por exemplo, em que uma indústria passou a utilizar um coletor de dados destinado ao varejo, pois sua forma e tamanho foram mais adequados para seus operadores.

Aqui, nesse cenário, a troca de informação entre o cliente e o especialista no mercado poderá ajudar a empresa a economizar comprando o coletor de dados mais adequado, o que também reduzirá o custo de manutenção futura dos equipamentos por mau uso.

Dicas para prolongar a vida dos coletores de dados

O manuseio dos coletores de dados é essencial para prolongar a vida do hardware. Evitar quedas excessivas é um dos principais pontos observados. A prevenção à queda pode ser feita por acessórios, como alça de mão e de pescoço. Outra forma é a utilização de capas protetoras que minimizam os danos causado numa queda.

A tela do equipamento também é outro ponto essencial de uso. Apesar de o mercado disponibilizar telas extremamente robustas, o exagero de impactos pode causar sua quebra e a necessidade da troca. A bateria, por sua vez, tem seu ciclo de vida muito influenciado pelas cargas efetuadas. Portanto, é importante efetuar o ciclo completo de carga e descarga para maximizar sua vida útil.

Dicas anotadas, então mãos à massa!!! Ou, se preferir, conheça as soluções disponibilizadas pela Compex clicando aqui.

 

Deixe um comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.