Pesquisar
Close this Buscar box.
BLOG

Queima de estoque: quando vale a pena fazer?

Queima de estoque: quando vale a pena fazer?

A queima de estoque é uma estratégia comercial que pode gerar resultados surpreendentes para os varejistas.

Quando bem planejada e executada, essa tática pode não apenas liberar espaço nos depósitos, mas também impulsionar as vendas e melhorar a saúde financeira da empresa. 

Por isso, que tal mergulhar nesse tema para entender quando e como é vantajoso aplicar essa estratégia?

Confira a seguir!

Você vai ver nesse texto:

  • O que é uma queima de estoque?
  • Quais lojas podem fazer uma queima de estoque?
  • Benefícios de fazer uma queima de estoque;
  • Cuidados ao fazer uma queima de estoque;
  • Como saber se é vantajoso fazer uma queima de estoque;
  • Conte com a Compex para o seu sucesso na queima de estoque.

O que é uma queima de estoque?

É um processo estratégico de venda rápida de produtos em grande quantidade por preços abaixo do mercado. 

Para alcançar o sucesso nesse empreendimento, é fundamental seguir alguns passos:

Avalie o estoque atual

Em primeiro lugar, faça um levantamento minucioso de todos os itens disponíveis, identificando produtos com baixo giro ou próximos do vencimento.

Defina os produtos para a queima de estoque

Em seguida, selecione os itens que se enquadram nos critérios estabelecidos na etapa anterior, considerando aspectos como sazonalidade, obsolescência ou prazo de validade.

Estipule preços atrativos

Depois, fixe valores que sejam realmente atrativos para os consumidores, mantendo, no entanto, a margem de lucro em mente.

Planeje a divulgação

Por fim, elabore uma estratégia de marketing sólida para divulgar a queima de estoque, utilizando canais adequados para atingir o público-alvo.

Quais lojas podem fazer uma queima de estoque?

Praticamente todos os tipos de lojas podem se beneficiar da queima de estoque, desde pequenos varejistas até grandes redes.

A eficácia dessa estratégia não está apenas na natureza do negócio, mas na abordagem estratégica que é aplicada. 

Aqui estão alguns setores que comumente adotam essa estratégia:

Lojas de vestuário e calçados

Essas lojas frequentemente enfrentam mudanças sazonais, tendências que se modificam rapidamente e o desafio de manter o interesse do cliente em produtos em constante renovação. 

Por isso, a queima de estoque é uma ótima maneira de lidar com o excesso de estoque ou coleções antigas, mantendo o fluxo de caixa e liberando espaço para novos produtos.

Supermercados e lojas de alimentos

Com produtos perecíveis, é crucial gerenciar estoques para evitar perdas.

Dessa forma, a queima de estoque pode ser aplicada em itens próximos à data de validade ou em lotes maiores de produtos não perecíveis, ajudando a evitar desperdícios e aumentando a rotatividade.

Eletrônicos e tecnologia

Esse setor está constantemente evoluindo com novos lançamentos e atualizações. 

Por isso, a queima é uma excelente maneira de mover dispositivos mais antigos, abrir espaço para inovações e manter o interesse dos consumidores com preços atraentes.

Móveis e decoração

Empresas nesse ramo muitas vezes precisam lidar com o desafio do espaço físico, já que móveis ocupam bastante área. 

Isso permite liberar espaço para novos designs, coleções sazonais e itens de maior interesse do público.

Brinquedos e artigos infantis

Produtos destinados a crianças muitas vezes têm ciclos de vida curtos devido ao crescimento rápido e mudanças de interesse, ajudando a atualizar inventários e atrair consumidores com preços competitivos.

Artigos esportivos

Por fim, com equipamentos e roupas específicas para determinadas atividades ou esportes, a queima de estoque é uma excelente estratégia para liberar espaço para produtos mais recentes, incentivando os clientes a atualizar seus equipamentos com descontos atraentes.

Independentemente do setor, a chave para uma queima de estoque bem-sucedida está na estratégia adotada, na seleção cuidadosa de produtos e na comunicação eficaz com os clientes.

Adaptar essa estratégia ao perfil do público-alvo e às necessidades específicas do negócio é essencial para garantir os melhores resultados.

Benefícios de fazer uma queima de estoque

A queima de estoque oferece uma série de benefícios significativos para os varejistas quando realizada de maneira estratégica e cuidadosa. 

Vamos explorar mais detalhadamente esses benefícios:

Aumento do fluxo de caixa

Em primeiro lugar, ao reduzir os preços dos produtos que não estão vendendo bem, é possível atrair clientes e acelerar o ciclo de vendas. 

Esse aumento na liquidez pode ser direcionado para reinvestimentos no negócio, como marketing, expansão ou atualização de estoque.

Fidelização de clientes

Em seguida, oferecer descontos atrativos durante uma queima não apenas atrai novos clientes em busca de boas ofertas, mas também fortalece o relacionamento com os clientes existentes.

A sensação de conseguir um bom negócio pode criar uma ligação emocional positiva entre o cliente e a marca, incentivando a fidelização e a recompra.

Renovação do estoque

Manter um estoque atualizado e relevante é crucial para o sucesso do varejo.

Assim, ela libera espaço para novos produtos, permitindo que os varejistas renovem seu inventário e ofereçam aos clientes itens mais recentes e atraentes. 

Isso ajuda a manter o interesse do público e a acompanhar as tendências do mercado.

Redução de custos

Produtos parados no estoque representam custos de armazenamento, manutenção e oportunidade perdida. 

Dessa forma, ao se livrar desses itens, os varejistas podem reduzir esses custos e realocar recursos para áreas mais lucrativas do negócio.

Promoção de marca

Por fim, uma queima de estoque bem divulgada pode servir como uma estratégia de marketing poderosa.

Ela atrai a atenção dos consumidores e pode aumentar a visibilidade da loja, atraindo não apenas clientes em busca de descontos, mas também aqueles que podem pagar o preço integral por outros produtos.

Ou seja, vai além de simplesmente se livrar de produtos parados. 

Quando estrategicamente planejada e executada, essa tática oferece vantagens financeiras, fortalece a relação com os clientes e mantém a competitividade do negócio no mercado varejista.

Cuidados ao fazer uma queima de estoque

Apesar dos benefícios, é essencial ter cuidado ao realizar uma queima de estoque para evitar prejuízos. 

Alguns pontos a considerar são:

Margem de lucro mínima

Em primeiro lugar, certifique-se de que os preços praticados ainda garantem uma margem mínima de lucro para não prejudicar a saúde financeira do negócio.

Escolha estratégica dos produtos

Em seguida, evite incluir itens de alto valor ou de grande procura, já que isso pode gerar perdas significativas.

Comunicação clara

Por fim, garanta que a comunicação sobre a queima de estoque seja transparente, evitando confusões com clientes.

Como saber se é vantajoso fazer uma queima de estoque

Para determinar se a queima de estoque é vantajosa, é crucial fazer uma análise criteriosa dos custos, margens de lucro e necessidades do negócio. 

Por isso, siga esses passos para avaliar a viabilidade:

1. Análise de custos

Primeiramente, calcule os custos envolvidos na queima de estoque, incluindo redução de preços, custos de marketing e potencial perda de lucro.

2. Previsão de retorno

Depois, estime o retorno financeiro e analise se compensa o investimento realizado.

3. Necessidade real

Por fim, considere se isso é realmente necessário para liberar espaço ou se existem outras estratégias mais viáveis.

Conte com a Compex para o seu sucesso na queima de estoque

A Compex oferece soluções completas para automatizar seu negócio, inclusive fornecendo equipamentos para varejo, logística, distribuição, entre outros.

Com um foco em alta qualidade e atendimento personalizado, estamos prontos para ajudar no sucesso da sua ação!

Conheça nossos produtos e soluções para suas promoções!

Para ver mais conteúdos como esse, acesse o nosso blog e nosso Instagram!